-- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE --
A viatura seguia pela SP-342, sentido Espírito Santo do Pinhal, quando no quilômetro 173 o homem de 34 anos pulou a mureta de concreto que divide as pistas e saltou na frente da viatura.
Foi identificado na tarde desta segunda-feira (5), o corpo do homem que morreu atropelado por uma viatura da Polícia Militar. Michel Aparecido Costa, 34 anos, estava no IML (Instituto Médico Legal) aguardando reconhecimento para que fosse sepultado.


A mãe, Olésia da Silva, disse que tinha ido ao mercado pela manhã, quando um conhecido da família contou a ela sobre a morte do filho. Ela contou que ele permanecia dias fora de casa e, por isso, não estranhou a ausência. A família reside no Jardim Novo II. A mãe disse que Michel saiu sábado cedo de casa e não percebeu nenhum comportamento diferente do filho, apesar de ele ser dependente químico.

O atropelamento ocorreu por volta das 2h de sábado (3) quando policiais militares se dirigiam para atender uma ocorrência de desentendimento. A viatura seguia pela SP-342, sentido Espírito Santo do Pinhal, quando no quilômetro 173 Michel pulou a mureta de concreto que divide as pistas e saltou na frente da viatura. Ele entrou em óbito no local. Os policiais não se machucaram e a viatura passa por reparos.
Fonte: Gazeta Guaçuana