-- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE --
Encontrada à beira da morte, cadela abandonada na vila São Pedro se recupera em Pinhal
As pessoas estão cada vez mais revoltadas diante de animais sendo maltratados e abandonados em Espírito Santo do Pinhal. A população pinhalense está mais atenta, mesmo assim as denúncias ocorrem diante de uma situação extrema de abandono e maus-tratos, como a que aconteceu nesta segunda-feira(29).

Daniela Formaio Jordão, moradora da Vila São Pedro, relatou hoje nas redes sociais ter resgatado nesta segunda-feira(29) na  Av. Rafael Orichio Neto, por volta das 9h das manhã uma cadela abandonada em situação de maus-tratos quase a beira da morte.  A cachorrinha resgatada foi encaminhada para a médica veterinária Simone, a onde foi muito bem recebida e segue internada em tratamento.  Simone já é muito conhecida em Pinhal por sempre estar ajudando os animais resgatados em situações de maus-tratos e abandono.
Encontrada à beira da morte, cadela abandonada na vila São Pedro se recupera em Pinhal

Em entrevista ao Portal de Pinhal, Daniela informou que ela, sua mãe e suas irmãs já trabalham voluntariamente a alguns anos realizando bazar com doações para ajudar a pagar a castração de animais de rua.

Daniela defende a castração pois atualmente em Espírito Santo do Pinhal, este problema de maus-tratos e abandono vem sendo agravado pelo crescente aumento populacional, tanto dos animais de rua quanto daqueles que possuem um lar, mas cujos guardiões não praticam a guarda responsável e acabam submetendo seus pets a cruzamentos totalmente desnecessários, gerando mais e mais animais.

Abandono e maus-tratos é crime e precisa ser denunciado

Encontrada à beira da morte, cadela abandonada na vila São Pedro se recupera em Pinhal
Além do abandono de animais, práticas como bater, negar água ou alimento também são consideradas crime e mesmo com tantas campanhas contra a prática, muita gente ainda comete estes crimes - principalmente quando é época de férias, mesmo não havendo um número exato, as estatísticas dos institutos de pesquisa afirmam que nos períodos de férias há um pico no abandono de animais.

A Lei 9605/98 ( Lei de Crimes Ambientais ) prevê os maus-tratos como crime. O decreto 24645/34 ( de Getúlio Vargas ) determina quais atitudes podem ser consideradas como maus-tratos. Qualquer pessoa que for testemunha de abandono e maus-tratos de animais, podem ir à delegacia mais próxima. A Promotoria de Justiça permite a denúncia anônima. Mas, para que a denúncia seja realizada, você precisa ter certeza do crime, pois uma acusação falsa é outro crime. Além disso, no momento da denúncia, na delegacia, é preciso passar o maior número de informações possíveis em relação ao infrator, como seu endereço residencial ou comercial.

O que fazer em caso de maus-tratos e abandono

Caso o animal esteja abandonado em um terreno baldio ou propriedade particular, por exemplo, não hesite em invadir o local para salvar o bichinho, a sua ação será amparada pela lei. O decreto de lei número 2.884/40, artigo 24, considera a invasão para salvamento de um animal em perigo uma atitude de necessidade e, portanto, não haverá nenhum tipo de punição.

Além do abandono e maus-tratos, existe outra prática que também é considerada crime pela lei: O atropelamento de um animal sem que haja a prestação de assistência por parte do condutor do veículo.

Algumas pessoas preferem não denunciar pelo fato do infrator ser alguém próximo, um amigo, vizinho ou familiar, por exemplo. Mas lembre-se de que é possível efetuar a denúncia de maus tratos ou abandono de animais de forma anônima. Por isso, ao presenciar qualquer situação que possa colocar um animal em risco, tire foto, grave um vídeo, guarde as provas e denuncie. Você será apenas a testemunha, o Estado fará o restante.

Quer ajudar ?

Para ajudar no tratamento da cachorrinha abandonada, doações serão bem vindas e podem ser realizadas direto na clínica da médica veterinária Simone. E se você quiser ajudar o projeto da Daniela,  que realiza a castração de animais de rua, pode entrar em contato com ela diretamente pelo facebook clicando aqui.

Matéria exclusiva do Portal de Pinhal com algumas informações do Canal do Pet.