-- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE --
A Polícia Civil de São João da Boa Vista localizou e prendeu o homem que matou a esposa, de 34 anos, depois de tê-la esfaqueado várias vezes no peito, em frente um comércio que seria da vítima, no bairro Primeiro de Maio, em São João da Boa Vista, na manhã desta quarta-feira (17).

Equipes da Polícia Civil, sob a responsabilidade do delegado Fabiano Antunes, prenderam o autor, que foi levado para a delegacia, onde está preso e prestará depoimento na tarde desta quarta. Mais detalhes serão divulgados posteriormente pela polícia.

Leia também: Feminicídio cresce 12% de janeiro a agosto deste ano em São Paulo

Após o crime, a vítima, Silvia Vasconcelos, chegou a ser socorrida por paramédicos do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), mas não resistiu aos ferimentos.

O autor do feminicídio – quando a morte é provocada contra mulher – havia fugido após cometer o crime e não tinha sido localizado pela polícia.

O crime
Segundo o jornal O MUNICIPIO, a mulher havia deixado a filha na escola e abria a mercearia de propriedade dela, quando o autor chegou e, de acordo com testemunhas, começaram a discutir na calçada, instante em que o homem desferiu várias facadas no peito dela.

A vítima caiu na calçada e ele fugiu, deixando a faca caída na rua. Na sequência, o Samu e a Polícia Militar forma acionados. O objeto do crime foi deixado na calçada.

Além da Polícia Militar, a Polícia Técnico-Científica esteve no local para a perícia preliminar. A faca foi apreendida.

Investigadores da Polícia Civil também estiveram na área depois do crime, desde então, davam andamento nas buscas do criminoso.

Ainda não há informações se a motivação do feminicídio foi passional.

Por Ignácio Garcia - Jornal O Município