-- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE --
Palmeiras campeão brasileiro pela décima vez na história! A conquista do Verdão foi confirmada neste domingo (25) em São Januário com a vitória sobre o Vasco por 1 a 0. O gol do título foi marcado por Deyverson, que não começou como titular, mas entrou no lugar de Borja no segundo tempo.

Centenas de torcedores foram as ruas em carreata e comemoração na Praça da Independência no centro de Espírito Santo do Pinhal. Músicas, hino e fogos de artifícios fizeram parte de uma linda festa organizada pelos torcedores do palmeiras. Torcedores da Mancha Verdes também estiveram presentes. A PM fechou a rua do Clube Recreativo durante a comemoração

Confira o elenco do Palmeiras campeão brasileiro de 2018:
Goleiro: Fernando Prass, Jailson e Weverton
Zagueiros: Antônio Carlos, Edu Dracena, Gustavo Gómez, Luan, Nico Freire e Pedrão
Laterais: Diogo Barbosa, Marcos Rocha, Mayke e Victor Luis
Meio-campistas: Guerra, Bruno Henrique, Felipe Melo, Gustavo Scarpa, Hyoran, Jean, Lucas Lima, Moisés, Thiago Santos e Vitinho
Atacantes: Borja, Deyverson, Dudu, Willian e Artur
Torcedores do Palmeiras comemoram titulo em Espírito Santo do Pinhal

Os títulos do verdão
O Palmeiras faturou o primeiro título brasileiro em 1960, quando a CBD (Confederação Brasileira de Desportos, antecessora da CBF) organizava a Taça Brasil. O Verdão voltou a conquistar o torneio em 1967, mesmo ano em que foi campeão do Torneio Roberto Gomes Pedrosa, que faturaria novamente em 1969. Esses quatro títulos são considerados como títulos brasileiros pela CBF.

Na década de 70, foram dois títulos seguidos conquistados pelo histórico time da Segunda Academia do Palmeiras em 1972 e 1973. Se passaram 20 anos até a conquista do sétimo troféu, que veio em 1993 em uma final contra o Vitória, no Morumbi. No ano seguinte, o Verdão repetiu o feito do bicampeonato de duas décadas antes. O Palmeiras foi campeão brasileiro de 1994 contra o Corinthians, seu maior rival, após uma vitória (3 a 1) e um empate (1 a 1) no Pacaembu.

O nono título demorou 22 anos. Foi o primeiro na era dos pontos corridos, conquistado em 2016 por um elenco comandado pelo técnico Cuca, que tinha nomes como Zé Roberto, Gabriel Jesus, e jogadores que também participaram da conquista do deca em 2018, como Dudu, Moisés, Jean, Fernando Prass e Jaílson, por exemplo.

Com fonte de Torcedores.com