-- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE --

A Polícia Civil do Estado de São Paulo prendeu o suspeito de matar ex-mulher com golpes de facão e decepar a mão esquerda da filha dela, em Mogi Mirim (SP). A prisão de Juarez Ferreira, de 54 anos, ocorreu na noite desta quinta-feira (7) em Jacutinga. Ele estava escondido em uma chácara próximo ao Instituto Bíblico Peniel, as margens da Rodovia MG-290.

Em um vídeo, policiais civis informaram que a investigação entrou em contato com delegacias de outras cidades e conseguiu localizar o suspeito. As vítimas foram esfaqueadas na noite de quarta-feira (6) e encaminhadas para a Santa Casa de Mogi Mirim. A morte de Genersia foi confirmada na manhã desta quinta.

O suspeito e a vítima estavam separados há um mês e têm um filho de um ano e meio. A filha dela, de 24 anos, tentou defender a mãe, também foi atacada e perdeu a mão esquerda. Ela segue internada na unidade médica e o estado de saúde é estável.

Após o crime, moradores da região tentaram incendiar a casa do homem, no Parque das Laranjeiras, mesmo bairro onde morava mulher e a filha.

O Corpo de Bombeiros controlou o fogo na residência. Um dos quatro filhos de Genersia, Lucas Henrique de Souza contou que a mãe já havia procurado a Polícia Civil por quatro vezes para denunciar o homem. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que o atendimento prestado à vítima será apurado.

Fonte A Gazeta de Jacutinga